Compota de Tomates

Vai precisar de...

De Ana Queirós via Patricia Fontoura

2k de tomates bem vermelhos e maduros
100g de açúcar (usei demerara)
1 pau de canela
2 cravos da índia
2 cascas de limão
Meio limão espremido

Vamos começar

1. Tire a pele dos tomates colocando-os em água fervendo e posteriormente em água gelada. Retire a pele, as sementes e o miolo dos tomates. Reserve. Veja no filme
2. Numa panela misture o açúcar com o tomate cortado em pedaços.
3. Junte a canela, as cascas de limão, o sumo de meio limão e os cravos.
4. Leve para ferver em fogo baixo/médio mexendo de vez em quando até fazer ponto de doce. (Caso os pedaços não se desfaçam, bata em pulse no mix, sem triturar na totalidade retirando antes os cravos da índia,as cascas de limão e o pau de canela) O meu cozinhou 1 hora em fogo baixo/médio e não precisei bater no mix.

5. Antes de guardar, retirar o pau de canela, as cascas de limão e os cravos da índia. Guarde em frascos escaldados e secos e feche-os seguindo o processo abaixo.

*Enchem-se os frascos até 1 cm das bordas, com o doce ainda bem quente acabado de fazer. Limpam-se as bordas deixando-os bem secos. Fecham-se com as tampas, bem enroscadas e viram-se com as tampas para baixo até esfriar totalmente (24h sem mexer). As tampas não devem ter mossas.

Obrigada Ana Queirós pela deliciosa receita.
Por ser uma receita genuinamente portuguesa fiz uma adaptação na proporção da quantidade do açúcar pois os nossos tomates aqui no Brasil tem características diferentes.

compota-de-tomate2

compota-de-tomate

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*